HISTÓRIA

A Federação Académica de Lisboa, fundada a 20 de Novembro de 2014, é composta por várias Associações de Estudantes do Ensino Superior Universitário e Politécnico, representando indirectamente cerca de 40.000 estudantes de diversas instituições da Área Metropolitana de Lisboa.

Nascida da vontade de constituir uma verdadeira alternativa política em Lisboa, a FAL foi materializada por um grupo de dirigentes associativos no dia 20 de Novembro de 2014.

A Assembleia Constituinte da Federação Académica de Lisboa teve lugar no Salão Nobre da Reitoria da Universidade de Lisboa e contou com representantes de todas as instituições de Ensino, bem como de entidades culturais, desportivas e políticas.

Com sede na cidade de Lisboa, a FAL assumiu-se desde o primeiro dia como uma estrutura política, cultural e desportiva, representativa da maior academia do país – ramificada em cinco concelhos, nomeadamente Lisboa, Almada, Oeiras, Cascais e Loures.

A concertação entre as várias associações de Estudantes, sem nunca prejudicar a autonomia de cada uma delas, foi assumida desde a sua fundação como uma prioridade absoluta, particularmente no contexto económico e social conturbado em que a estrutura surgiu. Através do contacto privilegiado com as diferentes Associações de Estudantes, a Federação Académica de Lisboa trabalha em prol da melhoria constante do Ensino Superior nas suas várias vertentes, bem como da construção de uma sociedade mais interessada e informada que permita aos jovens decidir o seu futuro com sucesso e determinação.

A sede da FAL situa-se actualmente no Pólo Universitário da Ajuda, nas instalações da Faculdade de Arquitectura da Universidade de Lisboa sitas na Rua Sá Nogueira. Embora jovem, a Federação Académica de Lisboa assume diariamente o compromisso de dinamizar a vida académica, salvaguardar os interesses dos estudantes e promover actividades culturais e desportivas.

Pode-se afirmar que, sem sombra de dúvida, no dia 20 de Novembro de 2014 a Academia de Lisboa mudou…

…para Melhor.

Conhecimento
em Perspetiva